segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Assim que te quero.

Te quero inteiro, intenso e impetuoso sempre.
Cada abraço, beijo e puxão... apertão, mordida, lambida... dentro e fora de cada corpo nosso.

Momentos de verdades e ilusões... delírios que confessamos ao pé do ouvido,
e então quando observamos em nossos corpos os sinais de mais um momento só nosso.

Os sinais que nos acompanham a vida toda e até se parecem... 
sinais de amor, sinais de torpor para com os outros que invadem nossas vidas... 

Alguns sem convite algum,
outros esperados com muito frenesi, 
fazem partes de talvez um momento.

Mas a vida e os sinais que dela carregamos, provocados ou nascidos em nós;
e apertamos depois desses para ainda sentir o "gostinho" do momento novamente... são apenas de nós dois.




Conhecidos de nós dois, e desejamos a cada momento, a cada dia e instante.

Assim  nos queremos a cada dia mais.

A cada dia mais cheios de vontade de nos conhecer, reconhecer e nos provar vamos passando mais tempo juntos,
sentindo mais saudades,
e saciando mais rapidamente essa loucura que nos consome.

E nos excitando ,
apreciando e conhecendo melhor alguns amigos, vamos sendo mais felizes.

E descobrindo que ainda podemos desvendar mais de nós. ;)


Delícia da minha vida....
Gostosa do Zè
Safadão da Rubra

Doces e molhados beijos
Rubra e Zé
CASAL_AMANTES_FLORIPA

Um comentário:

  1. Mermão... o cara é cacetudo mesmo. KKKKKKKKK

    Abraços ao Casal.
    Conde.

    ResponderExcluir

Obrigado por passear por aqui e deixar seu recado...
Muitos doces e molhados beijos nossos.
Rubra e Zé